person_outline



search

Entrar

         

Novos Membros













Autores.com.br

Uma lembrança - Parte 6

Tomei um banho frio, vesti um short jeans velho e uma camisa vermelha fechada com pequenos botões. Fui até a sala de refeições e me despedi dos outros hospedes. Recusei...

Miriade - avatar Miriade Romance

Meia Noite

A noite chega com a fuga do sol para o outro lado do horizonteMas ela inicia mesmo a meia noiteDá pra sentir o mundo vibrarOndas e estalos como pêndulos de...

Elisa - avatar Elisa Poesias

Uma lembrança - Parte 5

O resto da viagem transcorreu sem perguntas pessoais de ambas as partes. Sem contatos físicos nem visuais. Quando atracamos, já era noite e fazia um calor agradável. A brisa que...

Miriade - avatar Miriade Romance

Uma lembrança - Parte 4

Os franceses se foram e eu fiquei ali, sentada esperando por mais de meia hora. Peguei uma dessas revistas de aeroporto e comecei a folhear. Desisti da leitura e comecei...

Miriade - avatar Miriade Romance

Uma lembrança - Parte 3

Embarquei no primeiro voo que consegui e pensei: logo, logo Evie... Estou chegando... Fechei os olhos e meus pensamentos foram ao encontro de lembranças doces e felizes. Me lembrei de uma...

Miriade - avatar Miriade Romance

Um amor pequeno

Eu o vi...Ele me viu...Nossos olhos se encontraram de forma simples...Não desviei ele também não...Sentir que queria me dizer alguma coisa com aquele olhar doce...Mas não o pudi captar,será o...

Senhorita Sonhadora - avatar Senhorita Sonhadora Pensamentos

Corpo e alma

                 Corpo  e  alma                 Sei que se completa                 Compartilham...

Floriana - avatar Floriana Poesias

Insuportável homem novo

Se o homem falasse como grita Se o homem pensasse como se exibeSe o homem amasse como odeia Se o homem entendesse como ofendeSe o homem construísse como destróitalvez hoje...

Roberto dos Santos Queiroz Júnior - avatar Roberto dos Santos Queiroz Júnior Poesias

O Ensaio da Ópera

19 de setembro de 1932, Agloe , Nova Iorque Escrevi uma música no ritmo das gotas de sangue que estavam pingando do corpo do violinista da orquestra.O pobre,que se tornou...

Andressa Sthefany Silva - avatar Andressa Sthefany Silva Literatura - Contos

Sonhos Destruídos

SONHOS DESTRUÍDOSRobi Duçantos / Dezembro, 2016 Como podemos manter acesa a chama e o desejo de buscar nossos sonhos?   A luta é árdua, diária e constante. Não podemos nos descuidar um segundo sequer...

Robi Duçantos - avatar Robi Duçantos Crônicas

COMO VIRIATO

Oh Lamego!
Cidade das partes de Viseu,
Onde Viriáto, sem medo,
Morreu, pela sua coragem, mas venceu,

Os algozes romanos,
Ao morrer, sem perder as convicções.
Que não eram emoções!
Nem tão pouco enganos.

Oh terras de além e aquém Douro!
Lutai ao meu lado,
Com nossas espadas de ouro;

Contra a gente daquela terra,
Que como a Viriáto,
Nos querem matar na guerra!!!
Pin It

Pessoas nesta conversa

  • THYMONTHY BECKER

    PARABÉNS, BELO TEXTO

    0 Curtir
  • THYMONTHY BECKER

    PARABÉNS, BELO TEXTO

    0 Curtir
  • THYMONTHY BECKER

    PARABÉNS, BELO TEXTO

    0 Curtir
  • HELDERDUARTE118

    OBRIGADO...

    0 Curtir
  • HELDERDUARTE118

    OBRIGADO...

    0 Curtir
  • HELDERDUARTE118

    OBRIGADO...

    0 Curtir

Curtir no Facebook

Quem Online

                                      
Total online: 26150

Autores.com.br
Curitiba - PR
Fone: (41) 3342-5554
WhatsApp whatsapp (41) 9115-5222