person_outline



search

Soldados matam, heróis vivem

Tão distante de casa
Em um lugar de onde não se sabe se há volta
Sua espada treme em suas mãos
Suas pernas não se mexem
E seus ouvidos estão encharcados com o agonizante clamor bélico
Seu coração bate, empolgado, com medo, quase saltando para fora da armadura que cobre sua pele
Neste momento, a única dúvida que se é permitida ter, é se este coração ainda baterá durante o nascer do sol.
E o rubro do crepusculo tinge a terra
Terra que logo será tingida por outro rubro
Aquele rubro que corre dentro de todos aqueles soldados
Aquele rubro que logo banhará a todos eles
Seus olhos palpitam enquanto veem a morte se aproximar
Seus olhos veem lanças e flechas cortarem os ares
E logo, o negro torna-se a cor do céu
E a terra continua rubra, a vida penetrando por ela, e escorrendo de dentro daqueles que não lutam mais
Tochas, bandeiras, lanças e sangue são as únicas coisas que todos conseguem ver nesta noite tão escura
A chuva chega... Como a guerra, deu o seu primeiro sinal e logo mostrou todo o seu potencial, e logo já mudou todo o cenário
A chuva cai pesada e os sobreviventes caem de joelhos, vitimas do cansaço e da tristeza, mas é um alívio para aqueles sobreviventes serem lavados por estas águas torrenciais, elas lavam o solo, seus rostos sujos de sangue e o final de uma batalha
Agora ele está voltando e carrega consigo, o peso de sua armadura encharcada, da maldita glória da guerra e de uma espada cuja lamina arruinou vários sonhos hoje, uma lamina que arrancará muitas lágrimas de muitas esposas e mães quando o vento lhes entregar a notícia do resultado da batalha
Para tráz são deixados aqueles que não foram tão fortes, ou aqueles cuja sorte não lhes foi favorável esta noite
Muitos sonhos, esperanças e vidas foram deixados neste campo de batalha
Pela ultima vez ele olha aqueles que antes compartilharam com ele a mesma mesa ânfora de vinho, compartilharam alegrias, e por ultimo compartilharam o mesmo medo, mas agora não compartilham o mesmo destino
Ele se lembrará deste dia para sempre
Mas não pela sua "glória"
Glória esta que ele não desejava ter
Mas por que todos nós sempre nos lembramos de dias em que passamos por momentos que desejamos que não tivessem acontecido.
Pin It
Atualizado em: Dom 9 Maio 2010

Comentários  

#2 Greyheart 10-12-2010 02:40
Texto muito bacana! Daqueles que inspiram e poderiam inclusive ser lidos durante uma partida. =}
#1 LucianoRochaRoots 14-05-2010 19:01
Pessoas matando pessoas, como acontece hoje em dia, só que as espadas são armas de fogo. Parabéns.

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222