person_outline



search
  • Poesias
  • Postado em

O choro do Lobo.

Crá – rú – ú – ú – ú.
A noite me assusta.
Crá - rú – ú – ú - ú.
A noite me transmuta.

Saio pela noite escura á sua procura
A lua está cheia e o ar frio sobre mim
Preciso controlar essa minha loucura
E curtir essa metamorfose até o seu fim.

Crá - rú - ú - ú - ú.
A noite me assusta.
Crá - rú - ú - ú - ú.
A noite me transmuta.


O orvalho respinga sobre minha face
A noite é trágica e á deixa amedrontada
Mas quero ter você, vem e me abrace
A mágica da noite é estar apaixonada.

Crá - rú - ú - ú - ú.
A noite me assusta.
Crá - rú - ú - ú - ú.
A noite me transmuta.


Meu corpo meio homem, meio bicho
Um animal que explode noite á fora
Vou sair desse meu pequeno nicho
E me realizar em seu corpo agora.


Ahhh!!, crá – rú – ú – ú –ú.
A noite me assunsta.
Crá - rú - ú - ú - ú.
A noite me transmuta.

Ahhh!!!, crá - rú - ú - ú - ú.
Crá - rú - ú - ú - úúúú!!!!!!

Pin It
Atualizado em: Sáb 1 Maio 2010
  • Nenhum comentário encontrado

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR
Fone: (41) 3342-5554
WhatsApp whatsapp (41) 99115-5222