person_outline



search

FORMAS VAGAS

montagem_formas_vagas

Formatos de rostos que se tornaram padrão e tem a mão da traição,

Discorrem pelo mundo, os sorrisos alvos perfeitos e falsos,

Sorriem habilmente, desmerecem quem os recebe, mostram-se para se exibir,

Simetria perfeita de faces e corpos construídos,

 

Quem os adora no altar da beleza,

não consegue enxergar a surpresa das dissonâncias,

Que belo contraste cria, um olhar malicioso tão singular,

Se joga para a mente cheia de inteligência,

A perspicácia captura, e se torna feliz por enxergar além do externo,

 

Flutua com intensidade e criatividade a imaginação,

Na mente constrói os mundos, brincam os escultores,

escrevem os poetas e roteiristas com suas mentes brilhantes,

Distorcem o belo e arruma-se o feio, tornando-o uma obra de valor impagável,

 

Pulsa com intensidade a fortaleza do comandante do exército,

À frente sem temer as batalhas, quando perderam

Partes de seu corpo, a beleza está em cima do seu cavalo

Quando lutam com coragem, e voltam para seu lar, amados e belos por sua bravura,

 

Esta é a forma linda e inteira, a bondade do coração, o interior que

Desperta pela boca e pelas ações sempre um lindo jardim de perfumes,

Vagas... está nos olhos da vaidade, vazia e com o manto negro das futilidades,

Quantas mulheres morrem a cada minuto, lamentam-se,

 

Se carregam em prantos diante do espelho todos os dias,

E fundem-se em dor eterna, por nunca poderem competir com

Modelos de capas de revistas, frias, vazias, sendo também alvos,

Obras montada pela mídia, a decapitar seres maravilhosos, que perdem-se,

 

Juntando seus pedaços pelo chão, tentam seguir em frente,

Fazendo com que o mundo não a veja, tornam-se fantasmas,

Cobrindo todos os espelhos que estão no caminho,

Não vêem a beleza que arde em seu ser, e passam uma vida no túmulo.

Pin It
Atualizado em: Seg 3 Maio 2010

Comentários  

#19 Coiote_DF 12-11-2013 07:41
"Que me perdoem as feias, mas beleza é fundamental" - a qual beleza se refere? Somos seres distintos, no entanto esquecemo-nos de nós e vamos em busca dos outros, da sociedade e seus padrões desde o primeiro momento de vida. Somos "pré-conceituados" e muito difícil é sair deste laço; muito difícil é sermos quem realmente deveríamos. Como assim não quer dinheiro? Como assim não quer esse emprego? Como assim não se veste assim ou assado?

Tomara que um dia, os zumbis saiam dos túmulos tornando esse mundo melhor. Um mundo em valerá a pena "midiar" o amor e bondade ao invés das formas - isto depende de nós. :-)

Ótima reflexão - parabéns! Beijo com todo carinho. Ah, lelecA!!! :D ;-) :lol: \o/
#18 PauloJose 11-05-2012 04:38
LINDO SEM DIMENSÃO O TEXTO!
DAS TELAS ME LEMBRO COM PESSOAS
DOENTIAS EM HOSPITAIS NA CLÍNICA B
EM LARANJEIRAS RIO DE JANEIRO.
PARABÉNS.
#17 keilabrisola 26-07-2010 17:51
Linda, linda... :love:
#16 PauloSiqueira 20-06-2010 00:33
Belo texto que mostra quão fugaz é a beleza quando não tem conteúdo.
Muito bom mesmo.bjs.
#15 AlexLacoy 19-06-2010 16:12
Robusta sua poesia, em forma e em idéias. Ela parte de um tema central que se ramifica em questionamentos com ricas particularidades. Adoro esse tema da estética, e nesse mundo pasteurizado que vivemos, a aparência sofre mutações instantâneas e mutila a essência. Vc conseguiu com esse trabalho a abstração necessária para dar às palavras sutileza e duplicidade com muita personalização. Parabéns, trabalho consciente e exuberante no arriscar-se em estar na contramão.
Bjs
#14 Pamaro 01-06-2010 10:37
Viva a beleza interior, a inteligência, a inspiração, a criação, pouco importando o que se tem exteriormente. Parabéns pelo texto. :love:
#13 Nadi 27-05-2010 16:43
Ainda fico a perguntar para quê ir à cata de tantos sinônimos, quando se quer exrpressar o que se sente?
Linda e expressiva poesia. Quem não a comprederá?
Bjs estrelas mil.
Obrigada pela visista e comentário.
#12 rubao 27-05-2010 09:44
Bela reflexão. Abraços.
#11 rackel 21-05-2010 07:13
Encontrar sentido para a vida implica em desvendar qual o caminho para o interior de cada um de nós. Quem não persiste o suficiente nesta busca, deixa-se levar por atalhos que confundem, pasteuriza e escraviza. Gostei.
#10 ANTENA 12-05-2010 09:09
Neste sistema decadente e senil o que temos? Uma gigantesca massa de seres,um formigueiro imperfeito, carregando a futilidade e a ausência dos verdadeiros valores. Boa reflexão e muito grato pela força da sua visita.



abraço anarquista

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222