person_outline



search

O JOGO DE FUTEBOL E UMA QUASE INTENÇÃO

A multidão grita,
freneticamente,
GOOOOOOL...
e uma rede estufada,
pelo míssil, chora,
amargurando
a perda de seu
segredo do útero.

A outra,
calmamente,
contempla
o passeio das horas.

Ah, posições se invertem,
continuadamente,
entre os suados corpos.

Não há uma baliza
- sequer –
que virgem seja
eternamente.

Pin It
Atualizado em: Qua 10 Ago 2011

Comentários  

#9 jlcece 31-05-2014 20:03
Um dia é da caça, o outro... do poeta.

Parabéns

JLuiz
#8 logansolo 11-05-2014 17:40
O futebol é uma luta acirrada... você o descreveu com originalidade e acerto.

Ótima prosa poética. Você tem talento! :-)
#7 PauloJose 29-11-2011 02:12
GOSTEI PARABÉNS ESTRELEI!
#6 PauloJose 19-11-2011 21:57
PARABÉNS ÓTIMO!
#5 guyver 19-11-2011 01:36
Muito bom
#4 Nadi 06-11-2011 12:22
Mas sempre, um dia, o jogo inverte...Com balizas ou sem, podem até as pedras se movimentarem.
Bjs
#3 PauloJose 27-09-2011 20:59
SIMPLESMENTE O MÁXIMO PARABÉNS POETA!!!
#2 ANTENA 16-08-2011 10:22
Algumas balizas ficarão virgens se colocarem os selecionados principais para baterem os pênaultis. Parabéns amigo.

abraço anarquista
#1 azara 15-08-2011 07:10
Gostei,parabens.

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222