person_outline



search

QUE LAR É ESTE ?

9858939

 

Porque grita ela...

De manhã me desperta o seu canto desencantador,

Do outro lado do muro esmurra meus ouvidos,

Porque tanto esbraveja ?

 

É Incompreendida, ou é sua vida

Que está as raias da loucura que a clamas,

Carrega todos que estão a sua volta,

E os faz cair no mesmo buraco em que entras.

 

Seus lamúrios ofende a vontade dos seres felizes,

Ela esperneia o tempo que lhe é roubado,

Late seus brados sem medo e de nenhuma vergonha se veste,

Atira sua roupa pela boca,

 

Desembrulha-se a ficar nua na multidão de ouvidos,

Desfaz seu bonito laço retirando sua máscara para os de sua casa,

Para os seus não é encantada, nem encantadora,

Nas avenidas desfila sua farsa faceira,

 

Os filhos gemem a hora nefasta de sua chegada,

O horror aos prantos eu escuto,

Se idealiza esta boca assombrosa e exaltada,

Nos pequenos inocentes que despejou no mundo.

 

Obrigados a deglutir seu furor de graça,

A seu companheiro e serviçais, todos provam seu amargo fel,

pobreza apilhada em gestos e palavras que os fere e maltrata,

presenteados desde o berço, e embaixo do mesmo teto

vivem beirados a loucura.

 

Filhos teus, pequenos são, para onde vão ?

 

Pin It
Atualizado em: Dom 22 Jul 2012

Comentários  

#12 PauloJose 04-04-2015 04:28
UAI LINDO!!!
PARABÉNS
#11 CHARIETH 05-11-2014 17:55
Par.abéns, bela poesia
#10 jlcece 23-10-2014 13:47
Bela construção poética tanto na temática quanto na riqueza vocabular.

Parabéns!

JLuiz
#9 PauloJose 24-11-2012 16:52
belíssimo inspirador...
#8 azara 02-11-2012 11:24
Parabens um texto forte falando de muitas familias que sofrem .
Abraços.
#7 wicos 12-09-2012 22:15
parabéns gostei valeu wicos
#6 GeraldoJCostaJr 15-08-2012 23:53
Embora triste, nunca é demais lembrar essa realidade. A Literatura, em boas mãos como as suas, serve também para os gritos de alerta em favor da sociedade e, principalmente, da família
#5 xxx 26-07-2012 00:39
Provavelmente todos terão que fazer terapia! Aff...
Também conheço um ou outro que vomitam palavras ofensivas o tempo todo.
Lamentável.
Gosto quando escreves, não demores muito para a próxima inspiração! rs
Gostei deveras da leitura.
Bj
#4 Arnoldo 24-07-2012 13:05
Realidades que existem entre os muros e se mostram fora deles de alguma forma.
#3 AnaLettiere 23-07-2012 14:55
Só para citar um caso parecido ao de sua obra e bem perceptível...Uma coisa que vez ou outra pude presenciar e que chega me dar agonia: Banheiros femininos em shoppings e etc, a mãe entra com o filho ou filha de uns três ou quatro anos, mas em vez de ajudar a criança a fazer "suas necessidades" com calma, fica tão nervosa, gritando e xingando tanto que é de arrepiar!... Depois sai com a maior cara de paisagem, toda cheia de afagos para com a criança, só porque está na frente do marido... Lamentável! Parabéns e aplausos, amiga! Sua obra é uma inspirada denúncia de um problema que muitos não conseguem ou não querem ver!

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222