person_outline



search

Ela

Vejo com clareza o teu cintilar
Tua alma pura
Guardada nessa escultura
Que admiro desfilar.

Simplória de requinte fino
Das palavras doces que pra mim são hinos
Ecoando no ar.
Desenho caprichado de seus lábios mel
E esses olhos lindos que parece o céu.

Semblante iluminado que parece estrela
A pele tão macia que almejo tê-la
Encantos deslumbrantes
Para enriquecê-la
Um beijo de amantes
Quero prometê-la.

Não vejo outra nessa passarela
Meus olhos fecham pra sonhar com ela
Porque diante dessa linda aquarela
Não vou sorrir sem os encantos dela.
Pin It
Atualizado em: Seg 20 Ago 2018

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222