person_outline



search
  • Bolero
  • Postado em

"A VIDA E O TEMPO" REGISTRADO

Não dá prá dividir sentimento
E arrancar o coração de uma flor
Não dá prá retirar da cabeça
O pensamento e o desejo do ardor
 
Não dá prá fugir da saudade
E da vontade absurda de amar
Não da prá apagar os vestígios
Do corpo querendo entregar
 
Não dá prá voltar ao passado
E mover o escombro a dor
Não dá prá disfarçar a tristeza
Separar a alma do amor,
 
Não dá prá contar as estrêlas
Desvendar os segredos de deus
Só dá prá ter uma certeza que
O tempo é mais do que eu
 
          refrão
 
A vida, e o tempo, consome
E dentro da gente ficamos tão sós,
Somos apenas um homem com
Pegadas na arêia que vão se apagar.

Pin It
Atualizado em: Dom 10 Set 2017

Comentários  

#2 Marlende 27-06-2012 13:23
Belo Poema, Sensivel e verdadeiro...Adorei ! Parabéns !
#1 tania_martins 22-06-2012 11:06
Parabéns!
Abraços.

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222