person_outline



search

Entre Jotas

"Homens sábios dizem
Que só os tolos se apaixonam
Mas eu não consigo evitar
Me apaixonar por você"

Mesma mesa, mesmo café, mesmo pôr do Sol
Mesmo cheiro de canela, mesmos clientes, mesmas conversas ao fundo
Mesmas 18:37 marcadas no relógio dourado, mesmo tilintar da porta anunciando tua chegada,
Mesmo sorriso escondido meu te dando boas-vindas, mesma saudade em meu peito de tua presença
Mesma parede de tijolos que descia por tuas costas, mesmo banquinho, mesmo violão em teus braços
Mesmos onze passos da minha cadeira até a ponta de teus pés, mesmas distâncias entre mim e tu,
Mesmo longe, mesmo perto

"Eu deveria ficar?
Seria um pecado
Se eu não consigo evitar
Me apaixonar por você?"

Mesmo caderno de anotações abaixo de meus pulsos, mesma caneta desenhando teu rosto em cada uma das folhas, mesma quinta-feira que teu sorriso atravessava as estrelas em teus olhos
Mesma tarde onde pensei em trazer-te margaridas, mesmo pensamento que deixar um bilhete com teu nome no balcão não seria algo ousado de mais

"Como um rio que corre
Certamente para o mar
Querida, é assim
Algumas coisas estão destinadas a acontecer"

Mesma tua voz preenchendo as lacunas da minha alma, arrastando e levando tua brisa-primavera até meu coração, mesma minha voz te cantando baixinho, mesma luz acariciando teu rosto, mesmos meus dedos-fantasmas fazendo o mesmo
Mesma eu,
Mesma tu,
Mesma nós,
Mesmo laço, estou aprendendo a tecer

"Pegue minha mão
Tome minha vida inteira também
Porque eu não consigo evitar
Me apaixonar por você"

Mesma poesia que te dedico, mesmo batimento acelerado em meu peito após teus olhos oscilarem com os meus, mesmos vulcões transbordando, mesmas ondas crescentes, mesmos furações e tornados, mesmos terremotos, mesmos fenômenos naturais e sobrenaturais que tua existência exalava ante a minha
Mesmo dispersar,
Mesmo manifestar,
Mesmo expandir,
Mesmos fios que ligam nossos dedos e desenham juntos em cada prédio capaz de nos cercar

Mesma seção de aplausos no teu finalizar, mesmo "obrigada" que tu mensura, mesma gratidão que invade minhas entranhas, imperceptíveis a cada um dos meus sentidos

"Porque eu não consigo evitar
Me apaixonar por você"

O "mesmo" transcorreu quando puxaste a cadeira à minha frente, quando contemplei o arco-íris por tuas veias, quando meu pulsar invadiu tua respiração e as cortinas se fecharam em nossas costas

Nós,
Uma à uma,
Una.

Nunca te descreverei à partir de mesmas palavras, mesmas emoções
Tu é inédita e impermeável, mágica e sublime.
Tome a coleção de sentenças que à ti destino, cole em tua parede preferida, leia-me ao amanhecer e crepúsculo,
Quando a noite aninhar teus ombros,
Quando fazermos um dueto.

Amanhã te levarei para ver as margaridas, chegaremos novamente às 18:30,
Em sete minutos te pagarei um café,
Beijarei tua testa
E deixarei mais uma vez,
Tu me tornar orquestra.
Pin It
Atualizado em: Dom 3 Fev 2019

Deixe seu comentário
É preciso estar "logado".

Curtir no Facebook

Autores.com.br
Curitiba - PR

webmaster@number1.com.br

whatsapp  WhatsApp  (41) 99115-5222